Posts Tagged ‘google maps’

Tecnologia – Gripe Suína

abril 28, 2009

gripesuina

Enquanto a Gripe Suína se espalha pelo mundo e até Belo Horizonte já tem três pessoas isoladas no Hospital das Clínicas por suspeita de contaminação, olhando o mapa do Google, com os casos confirmados e suspeitos, fica mais fácil perceber a preocupação desta crise virar uma PANDEMIA(*).

Acesse o serviço do Google – link

(*) pandemia pan.de.mi.a – sf (pan2+demo3+ia1) Med Doença que ataca ao mesmo tempo muitos indivíduos na mesma localidade, ou a maior parte dos povos do globo.


flutracker

Os organizadores deste site colocaram um comunicado pedindo para atualizar o link para um novo site porque este não vai mais ser atualizado. O novo ficou melhor e mais completo.

Novo site – link

Atualizado em 5 de maio de 2009


Gem

abril 20, 2009

Para os companheiros(as): Fau, Lady, Rubens


Tecnologia – Latitude

fevereiro 26, 2009

latitude

“Istrurdia” o Google lançou outro serviço daqueles, o Google Latitude. O serviço mescla funcionalidades de localização com, o já perfeito, Google Maps. O objetivo é, através do seu companheiro querido e inseparável, celular, mostrar no mapa a sua exata localização.

Muito fácil, desde que o aparelho venha equipado com GPS (como agora estão vindo). O problema é localizar aqueles aparelhos que não dispõe do dispositivo. Foi então que veio o pulo do gato, através de um sistema de triangulação de sinal, antena, estação rádio-base, pula pra lá, pula pra cá e dá cambolhata eles conseguem dizer aonde você está. É claro que a margem de erro é bem maior do que a do GPS (que chega na casa dos 10 metros ou menos) mas ainda assim é fantástico.

Com isso a graça do esquema está em utilizar seu celular como GPS (mesmo sem ser) e, tcharam, compartilhar sua localização com terceiros. Aí abre espaço para toda aquela discussão de  privacidade e tal e tal e tal e tal e tal e tal. Eu acho que devíamos discutir, num primeiro instante, os benefícios da tecnologia ao invés de caçar chifre na cabeça de cavalo. Quando lançaram o primeiro celular apareceu uma maré de desafortunados exorcizando o aparelho e hoje, graças a maturidade coletiva, todo mundo aprendeu a utilizar o bichinho e usufruir o que ele trouxe de bom, minimizando o que poderia trazer de ruim.

Ah mas com o celular eu sou obrigado a atender e falar com quem não quero! Tudo bem, mas quando estiver andando na rua, no cafundós do brejo e tiver um infarto e precisar urgentemente pedir ajuda e ligar pro seu pai, mãe, esposa, marido, filho, chefe, polícia, Superman, bombeiro… faça o seguinte, corre pro orelhão ou pra Liga da Justiça e peça ajuda.

Voltemos então ao Latitude. Por enquanto este serviço de compartilhar a minha localização com terceiros ainda não está disponível mas a minha localização pra mim sim. E com isso posso traçar rotas, ver as opções de transporte coletivo e todas aquelas alegrias que já estamos acostumados no desktop.

Legal, mas para saber se o serviço é bom mesmo eu queria uma situação prática, ver na real se funciona ou não. Foi então que me vejo chegando em Vitória no sábado de carnaval com destino a casa de um primo em Jacaraípe e, novidade, não sabia chegar. Perguntei um capixaba filho de Deus que passava por ali, qual direção tomar e ele me deu um caminho tão complexo quanto duvidoso que achei mais sensato perguntar ao meu próprio primo. Ligação feita e esse mais confundiu do que ajudou. “Sempre em frente, sempre em frente” não ajudou muito diante de tantas opções.

Foi aí que, com o celular na mão, apertei o botão Iniciar Google Maps. Wow! Minha localização, num raio de 700 metros, centro de Vitória. Traçar rota, Jacaraípe-Serra. Wow! E assim fui, meio desconfiado, meio cabreiro porém, confirmando cada metro que avançávamos. Tinha que virar rua tal, avenida tal, pegar BR-101, pegar ES-010, Rodovia do Sol e o diabo. O Google ia atualizando nossa localização e com isso podíamos, inclusive, ter certeza de qual via estávamos. Dessa forma com pouco tempo chegamos sãos e salvos ao nosso destino.

A única pendência agora é, uma vez que toda a transferência de dados é tarifada pela operadora, quanto vai custar a brincadeira???

Enfim, gostou? Entra aí: www.google.com.br/latitude e boa viagem.

Tecnologia – BHTRANS e Google Maps

janeiro 8, 2009

A BHTRANS estreou no final de 2008 uma parceria com o Google para prover rotas de transporte público. O serviço, apesar de não ser inédito, é sensacional. Você entra no site do Google Maps (http://maps.google.com)  e clica no link ‘Como chegar‘ informando o endereço de dois pontos (origem e destino). Em seguida escolhe se quer ver o resultado para trajetos à pé, de carro ou de ônibus. Rapidamente aparece traçado no mapa todo o itinerário da viagem.

Se a opção escolhida for ‘transporte público‘  ele te mostra as opções de linhas de ônibus para pegar, a quantidade de ônibus e o preço de cada tarifa. Bem como o tempo total da viagem.

Se for possível pegar mais de uma linha em pontos diferentes ele te mostra a distância a ser percorrida a pé até cada ponto e também as possíveis baldeações .

bhtransmaps1

bhtransmaps6

bhtransmaps2

Legal, mas o ó-do-borogodó mesmo são as informações ao vivo de tráfego que a Bhtrans agora disponibiliza. Não sei se tem como ver isso dentro do próprio Google Maps mas acessando o endereço http://infotrafego.pbh.gov.br você tem acesso ao mapa de tráfego de Belo Horizonte. É possível ver a situação de trânsito nas principais ruas e avenidas na região central da cidade delimitada pelo Cinturão da Contorno.

bhtransmaps3

As seguintes informações estão disponíveis:

-Ocorrências de obras e acidentes

-Nível de tráfego

-Pontos de Interesse

-Painéis de sinalização

-Câmeras

Os painéis de sinalização são aqueles letreiros digitais que mostram “Praça Sete trânsito intenso, evite a região“.

bhtransmaps4

E as câmeras são aquelas do Projeto Olho Vivo onde a prefeitura instalou diversas câmeras na cidade para dar informações sobre trânsito e etc. Agora as imagens estão na rede.

bhtransmaps5

Muito bom e acredito que isto seja só o começo dos novos tempos que estão chegando. Um serviço que, acredito que esteja em implantação, é você chegar no ponto de ônibus e descobrir o tempo previsto para a próxima partida. Em breve isso poderá também estar na net com a localização de cada ônibus e disponível no celular. É a tecnologia mudando a vida da gente, isso dá pra fazer.