Posts Tagged ‘wagner moura’

A Busca, com Wagner Moura

setembro 26, 2013

No final você entende que é uma historia bonitinha, é disso que o filme se trata e não um grande thriller de mistério e aventura como sugere o trailer. Uma pena. Na verdade o filme não convence.

Aviso de spoilers

Porque Wagner Moura sai naquela trilha insana e desvairada, sozinho, ao invés de, no mínimo, comunicar a policia que seu filho esta desaparecido com um cavalo? Porque ai talvez resolveria o filme rápido e sem graça demais, suponho.

E quando Wagner, de-ses-pe-ra-do, pede ao senhor cardíaco para usar o único telefone da vila e este, malignamente, se recusa a emprestar porque tem poucos creditos? Da pra sentir o desespero dos personagens nessa hora? Ele demorou uns 5min pra pensar em ligar a cobrar e mesmo assim pra que, so pra dar um “oi” pra esposa? Não convence.

O desespero mesmo so esbarra no começo do filme, quando os pais esperam o menino pra jantar e ele não aparece, ai você pensa: nóóóó… Mas depois começa a busca e incrivelmente tudo vai dando certo. Fantástico como todo mundo viu o menino e também a sorte de Wagner ao seguir perfeitamente seus passos.

No final, quando você saca qualé a do filme, o esquema do pai ausente que vai conhecendo o filho através dos rastros que ele deixou e blablabla, é que você pensa: realmente, não é um filme ruim, é um filme… bonitinho.

Cinema – X-Men Origins: Wolverine

maio 13, 2009

x

Enfim chegou às telas a aventura do preferido de 9 entre cada 10 fãs da série X-Men: Wolverine.

Eu particularmente não era muito fã dele e achava a sua ‘mutação’ meio sem graça. Só comecei a mudar de idéia quando joguei XMEN para Sega Saturn e ele era justamente um dos melhores hehehe

A verdade é que o cara é um animal, guiado por instintos, explosivo, violento e sarcástico como só. O Hugh Jackman ficou tão bem no personagem que ganhou a “maldição do Super-Homem”.

Christopher Reeve fez milhares de filmes mas se alguém tiver dúvida sobre sua identidade é só dizer: é o Super-Homem!

O mesmo vale para Tobey Maguire, Fred Savage, Matthew Fox, Robert Englund, Linda Blair e Leonard Nimoy; respectivamente Homem-Aranha, Kevin Arnold (Anos Incríveis), Jack (Lost), Freddy Krueger, Regan (menina do exorcista) e Spock (Star Trek). Este último inclusive, teve tantos problemas com esta questão que chegou a escrever o livro NÃO SOU SPOCK!

iamnot

No Brasil, o último caso parecido com esta situação aconteceu com o ator Wagner Moura que hoje em dia trabalha exaustivamente para disassociar seu nome do personagem Capitão Nascimento. Até vestir de Marilyn Monroe o rapaz vestiu hehe.

No X-Men Origins, além de Wolverine, outros mutantes famosos aparecem como Gambit, Dentes-de-Sabre, Ciclope e Prof.Xavier.

O filme no entanto não tem nada de mais, ele é simplesmente bom por natureza e isso certamente já é o suficiente para jogá-lo no 2o lugar da lista dos melhores X-Men, ficando o ranking assim:

X-Men2

X-Men Origins

X-Men3

X-Men1

Na minha humilde opinião. Mas o filme é bom mesmo? Bem, digamos que eu sai do cinema com a louca vontade de dilacerar alguém.

Cinema – Romance

dezembro 6, 2008

romance

Quando vi o trailer achei interessante e acreditei que se tratava de um bom filme. Mas não seria óbvio, seria denso e exigiria sensibilidade. Para um gladiador falar de sensibilidade, ou até mesmo sentí-la, é necessário haver um raro alinhamento de fatores dentre os quais o bom humor é Vital.

Digamos pois, que hoje então não era exatamente o melhor dos dias para prestigiar a película mas, devido a minha benevolência e desvantagem em qualquer entrave sentimental, acabei cedendo.

O filme começa com o casal 20 ensaiando uma cena de Tristão e Isolda para uma peça de teatro que estão montando. Devido a uma recaída negativa de humor pensei: “Que dureza, Capitão Nascimento falando manso e Leila Lopes Cover de roupa, ambos apaixonados conversando manteiga, vai ser um longo filme.

Não mais que de repente algo mudou. Não sei se foi a dinâmica, as falas, a roupa (que saiu hehe), o meu humor ou a música de Caetano(*); algo mudou. O filme ficou triste, envolvente, cativante, revira-voltas e então, aquela música… sim, os fatores estavam se alinhando. Leila Cover virou Letícia e Wagner Moura apareceu em toda sua dramaticidade. Eu estava finalmente à flor da pele.

Ando tão à flor da pele que qualquer beijo de novela me faz chorar

Estes versos fazem sentido. Mas não mais que a adaga que Caetano enfia no peito de Isolda:

Não vamos fuçar nossos defeitos
Cravar sobre o peito as unhas do rancor
Lutemos mas só pelo direito
Ao nosso estranho amor

Nesta altura o filme já ficou grandioso, você se segura na cadeira e não ousa pensar no final. Em noite de gala, grande elenco aparece para coroar a obra prima e são eles Giovani Improta, Radical Chic, Lineu e o TaxiBoy depois do Fantástico(**). Digo, hehe, José Wilker, Andréa Beltrão, Marco Nanini e Vladimir Brichta.

Em suma, mesmo aos mais turrões recomendo a sessão e, aproveitando a deixa, indico um disco de Caetano que tem a música Nosso Estranho Amor. O disco é o Totalmente Demais gravado ao vivo e tem apenas voz e violão.

Neste inspirado álbum, performances explêndidas do rapaz e interpretações memoráveis para músicas como Vaca Profana, O Quereres, Nosso Estranho Amor e Amanhã dão o tom. Além disso é o disco que (dizem) rendeu aquela história sobre as primeiras empreitadas artísticas de Cazuza quando, ainda desconhecido, Caetano incluiu no repertório Todo Amor Que Houver Nessa Vida e a mãe de Cazuza, na platéia, comentou com o marido que a música era do filho e este não acreditou que Caetano cantaria Cazuza.

Pois é, pois foi. Tudo é lindo, divino e maravilhoso, mas para aproveitar, só com sensibilidade.

caetanodemais

(*) A música está disponível no site do filme (www.romanceofilme.com.br) em ‘Downloads’.

(**) Alguns personagens marcantes. José Wilker sempre me lembra o Giovani Improta da novela Senhora do Destino. Andréa Beltrão interpretava a personagem e apresentava programa de mesmo nome,  Radical Chic. Lineu é o grande paizão da Grande Família e o tal taxista está muito melhor no filme do que naquele programa chato depois do Fantástico.