Posts Tagged ‘milton nascimento’

Música – Woodstock versão Minas Gerais

setembro 6, 2009

mm01mm02

Anúncios

Música – Festival Tudo É Jazz

agosto 28, 2009

tudoejazz

Que coisa boa estes festivais de Jazz pipocando por aí. Agora só falta tocar no rádio e na televisão.

O Tudo é Jazz (festival anual de Jazz de Ouro Preto) do ano passado foi uma festa muito bacana e homenageou o grande Milton Nascimento.

O festival deste ano é em homenagem a Billie Holiday e esta é uma excelente oportunidade para, quem não conhece, tirar o atraso e apreciar a obra da diva. Por favor, inclua nos ignorantes este que vos fala.

A festa acontece entre os dias 18 e 20 de setembro e a programação completa pode ser vista em: http://www.tudoejazz.com.br/

Música – SHOWS DE INVERNO EM MINAS (4)

junho 30, 2009

OURO PRETO e MARIANA

A programação foi divulgada no site da cidade e como o Clube da Esquina é o grande homenageado, as atrações já eram quase previsíveis. Mas que podia ter uma Maria Rita podia… 😛

Mais informações.

Festa: FESTIVAL DE INVERNO

Ouro Preto

8 de julho (quarta)  – Beth Carvalho, 21h, Praça da UFOP

opm1
11 de julho (sábado)  – Lado B e Milton Nascimento, 22h, Praça da UFOP

opm2

17 de julho (sexta)  – Tavinho Moura e Fernando Brant, 20h30, Teatro Ouro Preto

opm3

18 de julho (sábado) – Marina Machado

opm4
24 de julho (sexta) – Lô Borges e Daniel Gonzaga

opm5

Mariana

10 de julho (sexta) – Márcio Galvão, 20h30 Teatro Sesi
17 de julho (sexta) – Marina Machado

opm4
19 de julho (domingo)  – Beto Guedes, 22h, Praça da Sé

opm6

25 de julho (sábado) – Lô Borges e Daniel Gonzaga

opm5

MÚSICA – SHOWS DE INVERNO EM MINAS (3)

junho 24, 2009

fest

Uma das programações mais aguardadas do ano é a lista de atrações do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana. Por lá costumam aparecer os maiores e melhores shows, de graça. Pois bem, o único problema (eu não consigo entender o porquê disso) é a desagradável mania dos organizadores de só divulgar a lista de shows em cima da hora.

Você entra no site diariamente e não tem nem uma dica de nada apenas uma notinha dizendo: em breve a programação completa. Em breve?! Semana que vem já é julho! E tooodo ano é essa novela. Mas não adianta estressar, o negócio é esperar e seguir a vida. Quando a agenda for divulgada, se der pra ir bem, se não der amém.

Com esta infinita indefinição logo os boatos começam a correr pela cidade e agitar os bastidores da festa. Alguns juram de pé junto que vai ter show de fulano. Outros mais modestos dizem “ouvi dizer em ciclano” mas não revela suas fontes.

Ano passado as apostas estavam altas e vários nomes cotados mas quando a organização divulgou a lista oficial pegou  todos de surpresa. Nem o mais otimista dos especuladores imaginaria um show de Maria Rita com Ouro Preto de cenário. Pois foi, só que, não foi. Em cima da hora cancelaram a atração e encaixaram o Monobloco no lugar.

As apostas deste ano (segundo esta comunidade no Orkut), onde o tema do Festival é o Clube da Esquina, circulam entre o próprio Milton Nascimento (figurinha carimbada) e, mais uma vez, Maria Rita. Além de um improvável, mas fantástico, Djavan. Será?

Deus ajuda que seja! No mais, só torcer e esperar.

Música – BH bombando!!

maio 12, 2009

Ô vontade!!

shows2shows1

www.maristahall.com.br

www.musichallbh.com.br

Música – Conexão Vivo (21abr)

abril 22, 2009

conevivo

O Conexão Vivo do ano passado, além dos artistas independentes, contou com alguns nomes de peso para colorir a festa em seus shows principais. Desta forma, Nação Zumbi e Fernanda Takai fizeram os dias mais disputados.

Este ano a festa não conta com um graaande show, nem um graaande nome, assim, não causa graaande expectativa nem nada. Os nomes mais famosos (como Flávio Venturini, BNegão, Samuel Rosa, Naná Vasconcelos e John Ulhoa, etc) aparecem apenas como convidados e não como show principal. Talvez o nome mais pop seja Otto (que toca na próxima quinta-feira, amanhã), e ainda assim não me desperta grande empolgação.

Eu queria muito ter visto o show do Naná Vasconcelos (que era convidado de Kiko Klaus) mas acabou que na hora rolou uns desencontros, fila pra comprar fichinha, fila pra pegar cerveja, fila pro banheiro, fila pra tudo e acabamos não vendo nada. Fica pra próxima.

Antes disso assisti a estranha apresentação rock/brega de Cidadão Instigado. Os melhores momentos foram justamente cover de músicas brega cujo autores desconheço mas senti ali uma pontada de Reginaldo ou quiçá Odair José.

Depois veio o Falcatrua. Banda do antigo frontman do Tianastácia (em sua melhor fase) fazendo tributo à TIM em noite de VIVO (fala Markito!). Na verdade tocaram várias de Tim Maia e, em companhia de John Ulhoa (Pato Fu), redesenharam os clássicos Maia com a pulsação do rock. Não ficou sensacional mas foi divertido.

Em seguida, pra fechar a noite, Chico Amaral apresentou seu show instrumental. Lá pelas tantas chamou Marina Machado pra animar e terminou com a bela participação de Samuel Rosa.

O garoto Skank de cara já foi atacando de sucessos de sua banda e, pelo elevado da hora, quando rolou  a simpática “Ziilda é uma mulher…” aproveitei para subir ladeira e ir embora.

No caminho, já distante do show, ouvimos uma euforia inusitada vinda do público. Um clamor ardente, uma comoção. Gente, o que aconteceu? O óbvio seria, no final, Chico Amaral reunir no palco Samuel e Marina para fecharem os três a apresentação, porém, a comoção era muito maior àquela que imaginei, algo estava errado. De repente meu celular tocou, um amigo que ficou gritava: “Já saiu do parque?? Volta!! Milton Nascimento subiu ao palco e disse que vai quebrar tudo!!!”

Tá explicado. Tamanha euforia só se justificaria se um rei desse o ar da graça, e deu. Milton Nascimento, que no mesmo dia de manhã estava a cantar para o Governador Aécio Neves na cerimônia do 21 de abril em Ouro Preto, estava agora ali para dar uma força aos amigos Chico Amaral, Samuel Rosa e sua cordeirinha predileta, Marina Machado.

Resisti à tentação e fui embora sem olhar pra trás. Entrando no carro rolou Titãs – Jesus Não Tem Dentes no País dos Banguelas.

Salve Milton!